SciCast_Vitrine_BIG
Especial de Férias, Podcast

#65: Luiz Gonzaga (Hysteria #128)

“Meu nome é Luiz Gonzaga, não sei se sou fraco ou forte, só sei que, graças a Deus, té pra nascer tive sorte, apois nasci em Pernambuco, o famoso Leão do Norte. Nas terras do novo Exu, da fazenda Caiçara, em novecentos e doze, viu o mundo a minha cara. No dia de Santa Luzia, por isso é que sou Luiz, no mês que Cristo nasceu, por isso é que sou feliz.” Luiz Gonzaga.

Luiz Gonzaga foi um dos mais importantes representantes da música popular brasileira. Foi compositor e passou para a história da música como o “Rei do Baião”. Destacou-se pela criação de melodias e harmonias, além de ser um excelente instrumentista. Embora tenha sido extremamente popular no sertão nordestino, sua canções fizeram sucesso em todo Brasil.

Foi responsável pela valorização dos ritmos nordestinos, levou o baião, o xote e o xaxado, para todo o país. A música “Asa Branca” feita em parceria com Humberto Teixeira, gravada por Luiz Gonzaga no dia 3 de março de 1947, virou hino do nordeste brasileiro.

SciCast_MP3Cover

O que são os especiais de férias do SciCast?

O SciCast sempre mimetizou uma sala de aula, mesmo que de forma caricata, e para continuar com a zoeira (e nós sabemos o que dizem sobre a zoeira) resolvemos propor a outros podcasts amigos essa mistura e intercâmbio de idéias como forma de apresentar o SciCast e a ciência a ainda mais pessoas e de trazer momentos de descontração e entretenimento aos nossos ouvintes. Afinal, estamos de férias.

 

O que é o Hysteria?

Imagine uma mesa de bar, com seus amigos falando besteiras sem restrições sobre todos os assuntos que vier na telha. Então esse é o Histeria, um papo de bar, entre amigos, sobre todos os assuntos da cultura pop.

 

btn_donateCC_LG
120x53-doar-laranja

Agora você pode ajudar a financiar o SciCast

Produção e Coordenação: Silmar Geremia. Equipe Hysteria: Heitor Polidoro e JoneEquipe SciCast: Silmar GeremiaMarcelo Guaxinim e Estrela Steinkirch. Edição, Sonorização e Mixagem: Silmar Geremia.

Continuar lendo

Padrão
images2
Loja, Recadinhos

Ajude o Scicast ao comprar produtos em sites parceiros

Caros ouvintes, como falamos nos agradecimentos de dezembro, com as doações estamos mantendo o site com boa estabilidade e consequentemente sem problemas, para vocês baixarem os episódios com tranquilidade.

Como prometido, esse ano o SciCast terá muitas novidades, sempre com o intuito de levar a Ciência da maneira mais divertida possível a todos. Com isso, precisamos mais uma vez da sua ajuda, pois além da despesa com o servidor ser mensal, há custo com a produção do programa.

Semanalmente iremos postar aqui uma lista de produtos de sites parceiros do SciCast. Esses produtos não serão aleatórios, de algum modo estarão correlacionados com o episódio da semana e sempre buscaremos os melhores preços. Comprando os produtos com (especificamente) os links que fornecermos, vocês estarão nos ajudando a não somente continuar com todo o nosso trabalho, mas a melhorá-lo a cada novo programa.

Bom, vamos a nossa loja:

8011266_1GG

 

113660929_1GG

  • O Chef britânico Johnnie Mountain ensina tudo sobre o preparo da MELHOR carne de todas: a carne de Porco. Se você ficou com água na boca ouvindo o episódio dessa semana e pensou em preparar algo épico para honrar a Peppa, digo, o porco, então compre esse livro, faça e nos mate de vontade nos enviando a foto da sua obra prima.

 

120901591_1GG

 

Escolham e comprem! #GoAmigosDoPause #AmigosDoPauseForce #AvanteAmigosDoPause

 

Padrão
viber2
Recadinhos

Agora o #SciCast tem um Grupo Aberto no Viber

O Viber é um aplicativo de troca de mensagens instantâneas que tem crescido muito entre o público brasileiro. Ele tem um recurso chamado de grupos abertos, que funcionam como chats públicos que qualquer usuário pode acessar para interagir com mensagens, fotos e vídeos.

A intenção da plataforma é promover o contato entre usuários desconhecidos, conforme anunciado em setembro. Além de facilitar a interação entre usuários, a funcionalidade vai atuar na conversa entre marca e consumidores. O Viber abriu espaço para “parceiros de conteúdo”, que criaram canais diretos com o público, como as emissoras de TV Esporte Interativo e History Channel, o blog de humor Não Salvo e as bandas O Rappa e Jota Quest.

Agora o SciCast também tem o seu grupo aberto: viber.com/scicast, onde os ouvintes podem ver o que rola nos bastidores do programa e interagir com mais este conteúdo. Até o momento, a atualização só está disponível para dispositivos móveis. A previsão é que chegue aos desktops em dezembro.

Se você gosta de interagir, estamos esperando…

Padrão
SciCast_Vitrine_BIG
Especial de Férias, Humanas, Podcast

#64: Carne (Papo de Gordo #145)

Desde nossos ancestrais primatas, nós seres humanos já curtíamos uma carne. Tudo bem que era só carniça, resto que os outros animais deixavam para trás.  Mas como naquela época a vegetação (nossa principal fonte de alimento) estava cada vez mais dispersa, tivemos que dar o nosso jeito. Como o ser humano é um bicho do mal, com o tempo aprendemos a fazer armas de pedra e de repente começamos a enfrentar bichos do nosso tamanho ou até maiores.

Mas até ai só comíamos carne crua e sem sal. Num dia frio, a carne estava gelada e alguma boa alma teve a grande ideia de usar o fogo, técnica recém aprendida, para dar uma aquecida no filé ao invés de só acender uns fumos. A partir daí tudo mudou. Cozinhar a carne torna mais fácil a deglutição e digestão, permitindo que o intestino absorvesse mais calorias em menos tempo, assim o homem primitivo ficou todo musculosão e nunca mais colheu frutinhas. Com o domínio do fogo, agora ele também tinha tempo livre, e usava esse tempo pra construir ferramentas, acasalar, desvendar os mistérios da floresta, acasalar, pichar os muros das cavernas e acasalar mais ainda. O fogo Também matava a maior parte das bactérias(muito antes do protéx), então menos uma coisa para nos matar.

Nosso cérebro cresceu, o intestino diminuiu e nos distanciamos ainda mais dos nossos ancestrais, claro, comendo carne cada vez mais. Assim, plantou-se a cultura milenar do consumo massivo de carne que praticamos ávidamente até os tempos atuais. Porém, a sociedade de hoje paga um preço altíssimo por isso: cerca de R$ 25,00 o quilo do contra-filé.

Descubra com quantas alcatras se faz um churrasco e ajude Silmar GeremiaMarcelo Guaxinim, Matheus SilveiraEduardo Sales Filho, Maíra Moraes, Lúcio Luiz e Flavio Soares a prepararem o melhor bife de podcast jamais feito na podosfera brasileira.

 

O que são os especiais de férias do SciCast?

O SciCast sempre mimetizou uma sala de aula, mesmo que de forma caricata, e para continuar com a zoeira (e nós sabemos o que dizem sobre a zoeira) resolvemos propor a outros podcasts amigos essa mistura e intercâmbio de idéias como forma de apresentar o SciCast e a ciência a ainda mais pessoas e de trazer momentos de descontração e entretenimento aos nossos ouvintes. Afinal, estamos de férias.

 

O que é o Papo de Gordo?

O Papo de Gordo  é um portal de SAÚDE e COMPORTAMENTO. Ele trata sobre gastronomia, vida saudável, esportes, estilo e cultura pop. Tudo com informação e bom humor.

 

btn_donateCC_LG
120x53-doar-laranja

Agora você pode ajudar a financiar o SciCast

Produção e Coordenação: Silmar Geremia. Equipe de Pauta: Gustavo Simioni e Rafael BrisolaEquipe Papo de Gordo: Eduardo Sales Filho, Maíra Moraes, Lúcio Luiz e Flavio SoaresEquipe SciCast: Silmar GeremiaMarcelo Guaxinim e Matheus Silveira. Edição, Sonorização e Mixagem: Carlos Junior Eduardo Sales Filho. Foto da Vitrine: Pablo Rigamonti.

Continuar lendo

Padrão
SciCast_Vitrine_BIG
Especial de Férias, Podcast, Video

#63: Aquele que não deve ser mencionado (Jurassicast #102)

“Prometh… aaaaaaaarrrrrrhh meus olhos, meus olhooss!”, Geremia, S. ao ser informado sobre a gravação do SciCast #63.

O episódio mais esperado do #SciCast está no ar: Prometheus!

Em mais um Especial de Férias, amarramos o chefe na cadeira e o torturamos por 90 minutos de um SciCast inteirinho sobre seu filme preferido.

SilmarMarcelo e Estrela do SciCast, embarcaram em sua nave de trilhões de dólares com o pessoal do Jurrasicast (Calavera, Miotti e Brunão), para discutir o filme que nós amamos odiar. Entenda por que ficamos indignados toda vez que ele é citado em algum SciCast. Como ter a expectativa de ir assistir um filme sobre a origem do Alien que não era pra ser a origem do Alien mas que nos mostrou a origem do Alien? Ajude-nos a entender qual o sentido de contratarmos os piores cientistas pra a maior expedição espacial da humanidade desde então e como fomos criados por bebês gigantes albinos sarados de fraldas. Ridley Scott está gagá? Damon Lindelof vai continuar criando mistérios e nos decepcionando no final?

O primeiro SciCast no qual Prometheus foi citado foi o episódio de Colonização de Marte #05 e #06. Desde então, para a alegria dos ouvintes que adoram ver a revolta do Silmar, o filme assombra inúmeros podcasts (alguém já listou quais?), sendo citado diversas vezes por vários SciCasters (principalmente o Guaxinim).

E aí, será que nós cumprimos as expectativas?

 

O que são os especiais de férias do SciCast?

O SciCast sempre mimetizou uma sala de aula, mesmo que de forma caricata, e para continuar com a zoeira (e nós sabemos o que dizem sobre a zoeira) resolvemos propor a outros podcasts amigos essa mistura e intercâmbio de idéias como forma de apresentar o SciCast e a ciência a ainda mais pessoas e de trazer momentos de descontração e entretenimento aos nossos ouvintes. Afinal, estamos de férias.

 

O que é o Jurassicast?

Criado em abril de 2011, o JurassiCast é um site de entretenimento com foco no humor. Todo o seu conteúdo é baseado na opinião de seus integrantes e colaboradores.
A proposta é entreter o seu público de uma maneira diferente e inovadora, sempre com muito humor, além de unir informação e diversão de um jeito único.

 

btn_donateCC_LG
120x53-doar-laranja

Agora você pode ajudar a financiar o SciCast

Produção e Coordenação: Silmar Geremia. Equipe de Pauta: Augusto Granjeia e Estrela SteinkirchEquipe Jurassicast: Calavera, Miotti e BrunãoEquipe SciCast: Silmar GeremiaMarcelo Guaxinim e Estrela Steinkirch. Edição, Sonorização e Mixagem: Estrela Steinkirch e Silmar Geremia. Foto da Vitrine: Pablo Rigamonti.

Continuar lendo

Padrão
back_to_the_future_1985_685x385
Ouvintes

A Voz do Ouvinte #02: Não viaje na viagem no tempo

Dando sequencia ao “A Voz do Ouvinte”, lá vai a participação do voz de veludo Lucas BalaDeIogurte Balaminut, comentando sobre nossa viagem na viagem no tempo no crossover com o pessoal do Jogabilidade, se liguem nas quebradas…

Acompanhem abaixo o email dele:

Happy New Years SciCasters!

E pra começar o ano de forma frenética e alucinada, os SciCasts vem especialíssimos!

Eu não sou muito chegado em podcasts de video games. Apesar de gostar muito de jogos, eu parei no N64 a uns 10 anos atrás, quando eu fechei Majora’s Mask (orgulho de mim mesmo, deveria por isso no meu curriculum). Mesmo assim, o SciCast com a galera do DASH foi muito divertido.

Musiquinha triste agora, 1 minuto de silêncio pro NowLoading.

Ah saudades… I’ll remember you… ♩     ♫     ♪     ♬     ♩     ♫     ♪

Gostei da idéia de fazer crossovers, quanto mais gente vocês chamam pra participar, mais gente bacana eu conheço. Menção honrosa pro Ronaldo que estava soltinho e trouxe bastante conteúdo pro episódeo. A cada tema video-game-científico mencionado, dava vontade de ter um SciCast só sobre aquele assunto…

cof cof viagem no tempo cof cof

Pela primeira vez, eu venho apontar uma canelada! Antes, alguns disclaimers: eu sou especialista em porra-nenhuma e nunca duvido da minha capacidade de falar merda, mas eu tentei pesquisar pra escrever essa bagaça, e eu acho que vale uma pequena correção sobre a hipótese do multiversu. 

Sabe quando você escuta alguém dizendo que um animal “evoluiu” ao longo dos anos porque precisava? Agente sabe que, na verdade, o animal não evolui porque precisa ou  porque tem alguma inteção de fazer isso. O animal sofre mutações aleatórias, e algumas acabam sendo benéficas; se são passadas pra frente, a espécie sofre seleção natural. Então, a correção que eu vou fazer é desse tipo. Oque foi dito sobre a hipótese do multiversu não está de todo errado, mas tem um equívoco muito comum, e pra entendê-lo, temos que fazer uma explicação um pouco elaborada.

Continuar lendo

Padrão